Homem é preso após tentar estuprar e manter ex-ficante em cárcere privado

Um homem que não teve a idade revelada foi preso na madrugada deste sábado (17.02) após tentar estuprar e manter uma jovem em cárcere privado em Rondonópolis (a 214 km de Cuiabá). A vítima foi localizada trancada no banheiro da casa com hematomas pelo corpo.

Conforme registro da ocorrência, a mãe da vítima entrou em contato com a Polícia Militar informando que não tinha notícias da filha e recebeu um áudio da jovem chorando com a voz embaraçada.

A mulher relata que o último contato com a filha foi na noite de sexta-feira, quando a jovem relatou que estava indo para Cuiabá. No entanto, ao entrar em contato com os familiares na capital, ela foi informada que a jovem não tinha chegado. Em contato com uma amiga da vítima, a mulher recebeu a localização do local onde a jovem possivelmente estaria com um suspeito.

Na casa informada, a Polícia Militar chamou pelo suspeito, o qual foi reconhecido pela amiga. Diante disso, os policiais se aproximaram da porta da residência e escutaram o homem dando ordem para que uma pessoa se trancasse no banheiro.

Logo os militares perguntaram pela vítima e pediram para o suspeito abrir a porta, ocasião em que o homem disse que não tinha a chave da porta e começou a ameaçar os policiais. Com a gravidade da situação, a equipe entrou na casa e encontrou a vítima trancada no banheiro, com lesões graves no rosto, sendo que os olhos dela estavam roxos e nariz estava com sangramento.

Após ser socorrida, a jovem relatou que, no período que ficou no interior do imóvel, o suspeito tentou agarrá-la e forçá-la a ter relação sexual e com medo da situação, tentou ligar para avó paterna, ocasião em que o suspeito tomou a força seu celular e desferiu socos na mesma, que revela ter desmaiado. Além disso, o homem teria ameaçado ela, caso entrasse em contato com a família, obrigando-a a ficar na casa.

A vítima revela que teve relação sexual consensual em data anterior com o suspeito e por não querer nada com ele, o mesmo tentou forçá-la. O suspeito foi preso em flagrante pelo crime de lesão corporal, resistência, ameaça, cárcere privado e estupro.

Segundo a PM, ele possui passagens criminais por tráfico, receptação e corromper ou facilitar a corrupção de menores.

Fonte: VG notícias

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionadas