Judiciário e Assembleia Legislativa lançam vídeo de alerta sobre sinais de violência doméstica

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso lançou um vídeo de conscientização sobre os tipos de violência contra a mulher, alertando para os sinais e a importância de denunciar a qualquer tempo.

No vídeo, que já está sendo veiculado em canais de TV aberta em Mato Grosso, os telespectadores e as telespectadoras são orientados a identificar todas as formas de violência contra a mulher.

As imagens mostram mulheres vivenciando diversas situações de violência praticadas por seus parceiros, enquanto o texto verbal, com legenda e tradução em libras para garantir acessibilidade, faz uma reflexão sobre o tempo e as mudanças que nós esperamos que ele traga.

Mas o vídeo faz o alerta de que o tempo não espera e, muitas vezes, não há outro momento para mudança que não seja o agora.

“Salvar sua vida não deve ser uma questão de tempo. Denuncie enquanto é tempo, a qualquer tempo. Ligue 190”, diz trecho do vídeo.

Veja exemplos de violência abordados:

Violência psicológica: ameaças, constrangimento, humilhação, isolamento.

Violência sexual: estupro, forçar atos sexuais, prostituição, casamento, gravidez ou aborto.

Violência patrimonial: controle do dinheiro, extorsão, furto, não pagamento de pensão.

Violência física: espancamentos, lesões, estrangulamento, tortura.

Violência moral: difamação, acusações, críticas mentirosas, desvalorização, exposição íntima.

O produto audiovisual é um trabalho realizado em parceria entre o Tribunal de Justiça de Mato Grosso, Corregedoria-Geral da Justiça, Assembleia Legislativa de Mato Grosso e Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar no âmbito do Poder Judiciário (Cemulher).

Fonte: TJ/MT
Veja a matéria na íntegra em www.portalmulhermt.com.br

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionadas