MPMT denuncia vereador por violência doméstica

O Ministério Público do Estado de Mato Grosso por meio da Promotoria de Justiça de Vila Rica (a 1.259 km de Cuiabá), denunciou um vereador por lesão corporal no âmbito da violência doméstica, nesta quinta-feira (02).

Conforme a denúncia, o parlamentar ofendeu a integridade corporal da companheira com socos, no dia 7 de janeiro deste ano, durante uma festa de confraternização. 

 A vítima e o acusado conviviam maritalmente há aproximadamente um mês. Contudo, o relacionamento amoroso marcado por intenso ciúme durava cerca de oito meses. No dia do crime, o casal iniciou uma discussão motivada por ciúme quando o acusado desferiu um beliscão na barriga da mulher e disse: “vamos embora senão você vai passar vergonha”. Diante da recusa da vítima, o denunciado desferiu um soco no rosto dela. Para se defender, ela arremessou um copo nele e acabou levando outro soco.

“Evidencia-se nos autos que desconhecidos da confraternização interferiram nas agressões, oportunidade em que a ofendida acionou a polícia militar e o denunciado empreendeu fuga do local. Ocorre que, durante o deslocamento para o pronto-socorro, a guarnição avistou o veículo do acusado na residência da avó da ofendida, momento em que identificarem aquele, o prenderam em flagrante delito e o conduziram para a delegacia de polícia para as providências cabíveis”, narra a denúncia.  

De acordo com o promotor de Justiça Substituto Jacques de Barros Lopes, o vereador é investigado em outro inquérito policial, também por violência doméstica, tendo como vítima a ex-esposa. 

Fonte: www.cenariomt.com.br

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionadas