Rosa Neide rebate insinuações de desistência: Nenhum deles tem autorização para falar por mim

A diretora da Conab Rosa Neide rebateu as declarações do presidente do Diretório de Cuiabá do PT, Bob Almeida, e a vereadora Edna Sampaio, que sugeriram que ela teria desistido da disputa interna para ser pré-candidata à Prefeitura de Cuiabá:

“Nenhum deles tem autorização para falar por mim. Respeito às regras do Partido”, disse  Rosa, ao Leiagora. A ex-deputada federal confirmou que continua no páreo, porém seguindo as orientações do Diretório Nacional da sigla, conforme argumentou em carta aberta à população, divulgada na semana passada.

Na interpretação de Rosa, a resolução nacional do PT deixa em aberto para que somente em abril de 2024 seja escolhido quem será o candidato da sigla. Na carta divulgada nas redes sociais, ela argumenta que a escolha antecipada pode trazer desgaste ao nome escolhido.

Além disso, ela também argumenta contra a criação de uma cisão interna com a realização de uma prévia partidária, em disputa contra o outro pré-candidato, o deputado Lúdio Cabral (PT). Vale lembrar que a sigla tem histórico negativo em Mato Grosso, quando o partido saiu dividido das prévias entre Serys Slhessarenko e Carlos Abicalil em 2010.

“Me preocupa também mobilizarmos a base de filiadas e filiados ao PT em Cuiabá para uma disputa interna entre nomes, antecedendo ao projeto para a cidade. Isso pode gerar desperdício de energia vital de que necessitamos para a disputa da sociedade cuiabana. Devemos olhar para nossa história partidária e avançar, sempre com unidade, construindo o melhor projeto e buscando escolher o nome, que reúna as melhores condições de unir a Federação Brasil da Esperança e o campo democrático, popular e progressista da nossa cidade, para disputar, vencer e governar”, disse na carta aberta.
Outra interpretação

Contudo, o presidente municipal do PT em Cuiabá, Bob Almeida, interpreta a resolução do Diretório Nacional de maneira diferente. ““Está escrito assim ‘Diretórios municipais que não definirem os dois terços’, tem que convocar encontro ou fazer prévia no máximo até abril. Mas os municípios que têm candidatura, tem que definir até novembro, que é o nosso caso”, considerou Bob.

No sábado (26) o PT municipal elegerá a chapa de delegados que, no dia 2 de dezembro, irá escolher entre Lúdio e Rosa Neide como pré-candidato oficial da sigla que será apresentado ao diretório estadual da Federação Brasil da Esperança (PT, PV e PCdoB).

Fonte: Leia Agora

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts relacionadas